domingo, 12 de agosto de 2012

Eu, a portar-me muito mal!


Este fim-de-semana foi para esquecer em termos de alimentação. Abusei e desta vez não há desculpa nem “não comeste assim tanto”. Parece que voltei ao que era. Devo estar parva, ou então é por estar com o período, sei lá.

A minha prima fez 12 anos, fomos jantar fora com a família, ao mesmo restaurante do fim-de-semana passado, no aniversário do meu irmão. Eu não sei o que se passou, o meu cérebro deve ter desligado, até massa comi! Arroz, massa, rolinhos com salmão… e depois fomos até casa dos meus tios para comer o bolo. Pimbas, o cérebro desligou outra vez. Parece que me esqueci de todos os meus objectivos, e de que prometi a mim mesma que não tocava em bolos até ao final do ano (agora é que não tocas mesmo). Eu não preciso de bolos, isto só me faz andar dois passos para trás no meu objectivo. Mas depois lá vem o “estás igual, lixa-te nesta porcaria e come o que quiseres”.

Hoje a minha mãe acorda-me e diz-me que há almoço em casa dos meus avós. Cozido à Portuguesa. Com este calor… mas a minha tia está grávida e teve desejos. Lá fomos todos comer. Há mais de um ano que não comia farinheira. Mas qual quê, comi e comi bem (estou com uma azia que nem posso)! Arroz, feijão, pão com queijo… e ainda umas quatro bolas de gelado de noz.

Estou desmotivada, pronto. Eu não queria confessar, mas já não dá mais para esconder. Treino todos os dias, às vezes até duas vezes por dia, faço musculação, desde o início do verão que tenho comido bem, que mais é que eu tenho de fazer? Eu estou igual minha gente(!), a saia do traje está na mesma, as calças estão na mesma, mas o que é que está mal? Eu ainda nem me pesei porque tenho pavor de chegar à balança e ter os mesmos 59 kg (ou mais) que tinha desde a última vez que me pesei, que deve ter sido em Maio.

Odeio sentir-me assim. Eu já não sou assim. Não posso voltar à Joana de antigamente, que “resolvia” os problemas a comer. A Joana de hoje não come compulsivamente quando tem um problema, vai antes fazer exercício. Eu sei que amanhã corro até não poder mais, mas este fim-de-semana andei para trás e não posso, se me sinto igual só tenho é de me esforçar mais, não comer porcarias e não arranjar desculpas parvas (quantas vezes é que eu já disse isto?). Ora é porque estou com o período, ora porque me sinto gorda, ora porque treino muito e também sou filha de deus e mereço… grrr.
Amanhã vou pesar-me, tem de ser. Vou ter em conta que ganhei músculo e não vou desesperar se o bicho do demónio/balança acusar 59 kg ou mais (é mentira, vou desesperar sim). E lá vou eu ajustar mais coisas na alimentação e fazer mais cardio.

7 comentários:

  1. Olá :)
    Como te compreendo joana..as vezes há dias em que nós sentimos assim e so queremos comer o que nós aparece a frente, mas só temos que ultrapassar esse momentos e tudo fica resolvido, porque raio vamos comer coisas menos saudaveis quando treinamos tanto e comemos bem durante a semana?! Só por uns breves momentos de prazer ao comer algo que até pode saber bem, mas que nós faz tanto mal? Porque que há tantas pessoas que comem o que lhes apetece, e está tão bem?! Nós não somos assim (pelo menos eu)..e por isso, temos de ultrapassar isso, e sabes uma coisa? somos capazes, força joana :)

    ResponderEliminar
  2. Olá :)
    Pensa numa coisa:O que é um dia/dois mau em termos alimentares no meio 5/6 saudáveis? :)

    Queria-te dar um conselho. Porque não experimentas comer hidratos de carbono às refeições?
    São importantes principalmente para ti que fazes bastante exercício, precisas de fornecer energia aos teus músculos!
    Quanto maior for a intensidade como treinas, mais hidratos precisa. Se não acabas por ficar com fadiga.
    Não tenhas medo a sério, eles não te vão fazer engordar desde que as quantidades sejam controladas!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Olá Joana!

    Olha vou ser muito muito sincera: não achas que estás a ser demasiado exigente contigo própria? Foi só um fim-de-semana rapariga, não é o fim do mundo ;) Agora durante a semana voltas à tua alimentação, e vais ver que vai ficar tudo bem :)

    Ânimo rapariga ;)

    Beijinhos e boa semana :)

    ResponderEliminar
  4. Olá!

    vim conhecer seu blog através do blog da Joana, acima!
    achei muito legal e já estou te seguindo!
    bjos

    ResponderEliminar
  5. Olá Joana!
    Sabes, isso tinha q acontecer rapariga.
    Tu andas te a privar tanto de tudo (não comer doces até ao fim do ano? mas porque isso?!) que ias chegar ao ponto do "não dá mais! Tenho q comer". E foi o q aconteceu este fds... é claro que não tiveste controlo, não te culpes por isso, culpa-te antes pelas medidas tão drásticas q tens estado a tomar ctg própria!

    Não pode ser assim. Não se emagrece a comer tão pouco como tu comes, emagrece-se a comer bem! :)

    Mas olha, já aconteceu, não serve de nada ficar a remoer isso. Pensas q o meu fds não foi tão mau ou pior q o teu? Acredita q foi. Mas não me estou a lamentar! A nossa atitude perante o q aconteceu é que vai ser responsável pela maneira q nos sentimos por isso nada de chorar pelo leite derramado, como se diz! :)

    E não acredito que não estejas mais magra... não acredito! Tu fazes tanto exercício... (e não comes nada!) :)

    Força, faz um plano mais completo que te permita ser mais razoável para q estes episódios não voltem a acontecer! (nao para não engordares, mas para não te ficares a sentir assim dps!)

    Estou aqui para o q precisares,
    bjs :)

    ResponderEliminar
  6. Eu acho que são fases. Há dias em que parece que por mais que coma estou sempre com fome. O importante é que agora és diferente da "Joana antiga" e sabes que um estilo de vida saudável também comporta estes dias assim, certo?;) Não te martirizes, fazes boas escolhas 90% da semana, releva os outros 10%. Beijocas

    ResponderEliminar
  7. Só tens de compensar esses dias, agora com 2 ou 3 dias de limpeza do organismo, com muitos liquidos e sopinha :)

    ResponderEliminar